‘Gilmar Mendes é uma vergonha para o Judiciário’, dispara deputado Junio Amaral

Segundo o parlamentar (PSL-MG), o ministro do STF profere apenas decisões políticas

Deputado Cabo Junio Amaral (PSL-MG). Reprodução / Web

Em entrevista concedida ao programa Os Pingos nos Is, da rádio Jovem Pan, o deputado Cabo Junio Amaral (PSL-MG) criticou o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes, que derrubou a determinação do novato da Corte, Kássio Nunes Marques, acerca da liberação de cultos e missas em Belo Horizonte.

O ministro Gilmar Mendes não profere decisões judiciais — mas políticas, estritamente políticas”, acusou o parlamentar. Segundo Cabo Junio Amaral, o ministro do STF não tem disposição para promover a verdadeira Justiça.

Ele [Gilmar Mendes] está empenhado apenas em tornar Lula elegível, em defender o advogado [Cristiano Zanin Martins] do maior criminoso da história deste país”, afirmou. “O Gilmar Mendes é uma vergonha para o Judiciário brasileiro”, concluiu.

Com informações da Revista Oeste.