Marisa teria 256 milhões em aplicações. Justiça quer explicações de Lula

A falecida esposa do ex-presidente e atual criminoso condenado Lula possui aplicações junto ao Banco Bradesco.

O juiz Carlos Henrique André Lisboa, da 1ª Vara da Família e das Sucessões, responsável pelo processo de inventário de Marisa Letícia, pediu esclarecimentos ao ex-presidente Lula sobre aplicações de sua esposa.

Inventariante do patrimônio de Marisa, Lula precisa explicar uma aplicação de 2.566.468 unidades de CBD, com vencimento para o dia 18 de maio, emitidos pelo banco Bradesco. O magistrado quer que Lula esclareça se tais investimentos se referem a contratos anexados aos autos. De acordo com os documentos, cada CDB vale R$ 100.

Caso cada título corresponda a esse valor, o investimento da ex-primeira dama chegaria a ordem de R$ 256,6 milhões. Lula tem 20 dias para responder ao questionamento.

Resta saber se o discurso do Lula continuará a ser de se defender e alegar desconhecimento dos investimentos e ações da falecida esposa, a mesma que ele enterrou sob discurso e palanque político. 

Fonte: jovem pan.