Presidente Bolsonaro assina MP para liberar ajuda para ES, MG e RJ

O anúncio foi feito em Belo Horizonte, após o presidente se reunir com ministros e o governador do estado, Romeu Zema. Eles fizeram um sobrevoo sobre algumas das áreas mais atingidas pelas chuvas

O presidente Jair Bolsonaro assinou nesta quinta-feira (30) medida provisória para liberar R$ 892 milhões aos Estados do Espírito Santo, Minas Gerais e Rio de Janeiro, atingidos por fortes chuvas. O texto abre um crédito extraordinário ao Ministério do Desenvolvimento Regional e foi publicado hoje no Diário Oficial da União (DOU). O valor, segundo o Planalto, será um "auxílio emergencial" em razão das "fortes chuvas que assolaram aquelas áreas, causando grande destruição nos municípios atingidos e desabrigando inúmeras famílias. A ideia é que o recurso seja usado para promover a "reconstrução dos danos sofridos e o restabelecimento de serviços essenciais à população nos municípios afetados". A MP passa a valer ao ser publicada, mas terá de ser analisada pelo Congresso Nacional. O presidente assinou a medida em Belo Horizonte após sobrevoar áreas atingidas no estado. Outros R$ 108 milhões em ajuda para os estados ainda não tiveram origem confirmada pelo governo para totalizar R$ 1 bilhão anunciado.